Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 25 de maio de 2009

A porta


Imagine se todos os seus sonhos e objetivos de vida fossem o ato de entrar por uma porta, se assim que atravessasse a porta todos os seus sonhos se tornassem realidade instantaneamente.
O que você faria para entrar por essa “porta”?
Para realizar nossos sonhos fazemos coisas inacreditáveis, tanto boas quanto ruins, passamos por cima de coisas e pessoas com uma naturalidade incrível. Será que vale a pena?
O que você faria se sua “porta” estivesse fechada? Quantas vezes lutamos tanto por um objetivo e não conseguimos então nos frustramos e paramos de tentar. Há um ditado que diz “quando a vida fecha uma porta, ela abre uma janela”. Então o que fazer com essa janela? Pule-a por mais alta que seja, continue tentando e nunca desista.
O que você faria quando conseguisse entrar pela “porta”?
Alcançar todas as suas metas te trazem uma felicidade nunca antes experimentada, mas e depois, o que fazer depois que você realizou todos os seus sonhos? Qual será o motivo da sua vida depois que o encanto do sonho acabar?

Tantas perguntas e respostas mal dadas nos levam a uma conclusão: Sabemos o que queremos, mas não sabemos como conseguir, e nem o que vamos fazer depois de conseguirmos. Afinal quando achamos que temos todas as respostas vem a vida e muda todas as perguntas.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Indecisões

A vida é feita de escolhas (fato!), algumas fáceis como "qual a cor de esmalte eu uso hoje ? " e outras são quase impossíveis de responder tipo " será que ele é só um amigo ? ".
Uma escolha errada pode fazer a gente se arrepender pro resto da vida, mas nos fazem aprender. Uma escolha precipitada ou tardia pode estragar o que parecia ser certo. Mas como fazer uma escolha certa, como ter certeza que é aquilo que queremos ???
Dúvidas e mais dúvidas que podem nós levar a algum lugar ou lugar nenhum...
O pior é que ninguém está livre dessa indecisão, ela simplesmente aparece de uma hora para outra e nós deixa sem dormir por dias, até que finalmente achamos a tão esperada resposta.
Eu ainda estou procurando a minha e você ?

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Imitações S.A.


Não podemos negar que todos noís copiamos. Eu mesma não vou mentir, já copiei o corte de cabelo da Paris Hilton e também o bordão da série Toma lá da cá "prefiro não comentar".


É normal você se inspirar em uma pessoa, pode ser ela uma amiga ou artista, copiar uma frase que sua colega de classe inventou e você gostou muito. Mas isso têm limite, uma coisa é você copiar pequenas coisas para incorporar em seu estilo outra é você ser uma "xerox" deslavada de alguém.


Ser você mesmo é a melhor coisa que há, isso te torna único. Mas infelizmente algumas pessoas não sabem disso, e com o tempo não conseguem ser ela mesma ou pior elas imitam tanto uma pessoa que no fim não sabe mais se é a original ou a imitação.


Com o tempo todos vão se distanciar dessas pessoas, pois ninguém gosta de uma amiga(o) hackeadora(o), que a qualquer momento pode roubar seu estilo, seu jeito... Essas pessoas acabam passando uma imagem fake e se você pensar bem é isso que elas são.








O importante é ser você, mesmo que seja, estranho
Seja você, mesmo que seja bizarro bizarro bizarro




(...)




Pitty - Máscara

quinta-feira, 26 de março de 2009

Procura-se um dom

Nós últimos dias eu estava notando que cada pessoa tem talento pra alguma coisa, uns para desenhar, outros para esportes, alguns para dançar... Então tentei encontrar meu talento, afinal todo mundo deve ter um, por mais que eu procurasse eu não o encontrava de jeito nenhum, tentei de tudo mas não o encontrei.
Fiquei pensando que talvez eu não o tenha, e quem sabe eu não sou a única !?
Isso parecia não sair da minha cabeça, até que eu finalmente achei meu dom oculto, estava tão na cara que eu não percebi, a respostas era simplesmente eu não tenho um talento especial para nada, não sou realmente boa em uma coisa em especial.
Você deve está se perguntando "e onde está o talento nisso ?", simples, eu tenho que me contentar em não ser "a melhor" em alguma coisa, eu sou apenas boa em várias coisas e está aí o meu dom "me virar" com o que eu tenho e ser feliz do meu jeito, mesmo sem ser a melhor.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Mudanças...

Sempre gostei de mudar e inovar, mesmo que alguns tipos de mudança me deixassem um pouco assustada.
Praticamente minha vida inteira eu estudei em um colégio e morrei em uma cidade, por isso eu era acostumada a tudo. Mas no fim do ano passado minha mãe me deu a notícia que iríamos nos mudar, no início eu não queria de jeito nenhum fiz de tudo pra convence-lá a fica aqui,
não queria jamais sair de perto das minhas amigas ( a maioria de infância) e das pessoas da minha família já que a maioria morava aqui. Com o tempo eu vi que essa mudança na minha vida não ia ser tão ruim assim, eu ia conhecer pessoas novas, lugares novos e poder aprender coisas novas.
No fim eu vi que mudanças fazem parte das pessoas, mesmo que no começo elas assustem um pouco no fim a adaptação é inevitável.


Essa segunda já começo a estudar no meu novo colégio, eu estou um pouco ansiosa já que não conheço absolutamente ninguém lá.

P.S. Vou passar um tempo sem entrar no blog, até que o meu pc vá para minha nova casa.

domingo, 25 de janeiro de 2009

Miss popular


Todo colégio ou bairro tem aquela garota incrível admirada pelas várias amigas e desejada pelos garotos, a menina liinda que os professores a admiram por seu excelente comportamento e suas altíssimas notas, ela sempre está na moda e cria moda, tem uma lista enoorme de ex-namorados gatinhos, sempre tem várias amigas por perto, todos sabem seu nome e ela é a notícia.

Agora que atire a primeira pedra quem nunca quis ser uma "Senhorita Popularidade" ?? Okey, não dá pra negar que todos um dia já sonharam em ser mega popular (alguns ainda sonham), eu mesma tive uma época que sonhava em ser a "Abelha rainha" do meu colégio, mas com o tempo percebi que isso não servia de nada. Se analisamos bem a vida de uma garota dessas podemos notar que ela não é tão feliz como parece, suas amigas não são verdadeiras e só ficam perto dela pra tirarem proveito de sua popularidade, os garotos a acham fácil e meio galinha, ela é uma babona de professores e suas notas altas são frutos do inocente amor que o nerd do colégio sente por ela, gasta a maior grana pra sempre ter roupas de grife e tem que se acorda pelo menos 1 hr e meia do horário de chegada do colégio mesmo morando a duas ruas de lá pra poder se arrumar e esconder aquela espinha horrível(siim, por incrível que pareça ela tem espinha), ela não tem nem um pouco de privacidade, tudo que ela faz acaba caindo na boca de "rodinhas de fofocas" (coisas que ela faz, e coisas que ela nem faz) e é considerada fútil pelas pessoas.

Acho que depois de ler tudo isso você acaba se perguntando será que vale apena mesmo ? E a resposta vem logo em seguida na sua cabeça, é lógico que não. Ser popular tem suas vantagens mas não compensa, afinal na maioria dos casos não tem um amigo verdadeiro pra conversa, desabafa (e todas as aquelas coisas de amigo)... afinal quantidade não é qualidade, mas vale um amigo verdadeiro que dez amigos falsos.

Pense beem antes de tentar vira popular, pois você pode consegui.




quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Culpada e condenada

Nós temos um passado que nós condena e persegue, são alguns "micos" que ficaram na memória e que de tempos em tempos resolve voltar.
Não adianta fugir, nem tentar ocultar porque você tem um passado negro.

Eu também não escapo dessas não, pois eu já me vestir de coelho em um dos jogos internos do colégio, já cortei o cabelo super curto só pra poder usar gel, eu era viciada em digimon, meu sonho era ser uma dançarina do É o tchan, sempre errava os passos nas apresentações de dança do colégio, eu era mega fã de Kelly key e viva dançando suas músicas ...

O melhor de tudo é que agora que tudo passou, eu fico morrendo de rir com minhas bobagens.